segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Querido John


Ao iniciar o livro o autor já faz uma pergunta difícil se ser respondida: O que significa amar verdadeiramente uma pessoa?

            John Tyree foi criado apenas pelo pai que era colecionador de moedas, um homem de poucas palavras,mas de bondade rara.Mas isso não foi o suficiente para John passar a adolescência sem rebeldia.Quando terminou o colégio ele começou a trabalhar em algumas lojas da cidade,sempre na mesma rotina,saindo com garotas,bebendo,arrumando brigas e todo mês estava em um emprego diferente.O que fez disso ele cansar e mudar de vida,decidiu  então se alistar no Exercito Americano.Tornou-se responsável e logo de soldado passou para sargento.Em sua licença de duas semanas ele volta a sua cidade Carolina do Norte.
            Em um dos dias em que saiu para matar a saudade de surfar, John conhece Savannah Lynn Curtis,uma garota religiosa que estava ali de férias da faculdade,para ajudar a construir casas para famílias pobres.Ao conhecer  Savannah  John logo tem uma certeza de que é paixão a primeira vista,sabia que era muito mais do que um amor de verão e que Savannah era a garota de seus sonhos,sendo assim ela também se apaixona por John e eles vivem as duas semana mais apaixonadas e intensas de suas vidas.
            Quando Savannah se da conta que se aproxima a hora de John voltar a Alemanha sente uma dor que nunca sentiu antes,mas John promete que voltará para se casar com ela e Savannah promete esperar John sair do Exército.John fica um ano longe e eles passam a se comunicar por cartas,telefonemas e e-mails.
            Na segunda licença de John Savannah já estará formada e trabalhará para alguns como assistente de alguns professores, e tinha se apartamento no campus, onde John fica com ela, passando dias intensos de amor e brigas.A ideia de passar novamente pela dor que passou na ultima vez que teve que ficar longe de John,deixava Savannah mais apreensiva,e ela  tentava ficar ate um pouco mais distante e isso magoava John,que não entendia porque Savannah estava agindo assim,causando então muitas brigas entre eles.Mas como já estava próximo de John sair do Exército Savannah promete ter um pouco mais de paciência.
            O que eles não esperavam é que o atentado de 11 de setembro fossem mudar suas vidas.John se vê dividido entre voltar para casa e viver um amor loucamente lindo com Savannah,ou se alistar novamente para defender o seu país,que significaria mais dois anos longe de Savannah.
            Então quando John escolhe seu país Savannah fica arrasada por ter de esperar mais dois anos,mas as cartas enviadas por Savannah no Exército não eram as mesmas de quando ela escrevia na primeira licença de John ,então chega um dia em que Savannah lhe escreve pedindo perdão pelo o que iria escrever ,que queria dizer isso pessoalmente mas não pode,então Savannah diz a ele que estava apaixonada por outra pessoa.John naquela hora ficou sem chão,parecia que seu mundo iria parar,mas foi levando sua vida mesmo todos os dias pensando em Savannah.
            Quando seu pai morre John vende a casa em que morava na Carolina do Norte  propriamente deixado pelo seu pai.Quando John volta a sua cidade sua vontade e ir ver Savannah o mais rápido possível,afinal desde a carta ele não teria  mais visto ela,que significa uns dois ou três anos. 
            Quando resolveu em ir ate a casa de Savannah encontrou-a cuidando dos cavalos, assim que Savannah o avistou não parecia acreditar e veio correndo gritando “John”,e logo ficaram conversando por horas e horas,após saber que Savannah teria casado com Tim (amigo de Savannah que conhecerá em sua primeira licença) John fica feliz e ao mesmo tempo triste,feliz de saber que ela casara com um cara bom,e triste por saber que teria perdido o amor de sua vida para ele.
            John foi convidado por Savannah em ir ao hospital para visitar Tim, pois estava com um câncer de pele chamado “melanoma”. Parecia que iria morrer. Antes de voltar para o Exército,John vendeu toda a coleção que seu pai deixará para ele,e doou para Tim pois nas suas condições o convenio medico não cobria as determinadas medicações certas para Tim.
            No final do livro John depois de um tempo volta à casa de Savannah mais fica observando-a de longe e vê que realmente está feliz, mesmo ele estando triste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário